O que fazer para diminuir a orelha de abano

o que fazer para diminuir orelha abano

As orelhas proeminentes, também conhecidas como “orelhas de abano” são malformações congênitas, herdadas da genética do indivíduo. As pessoas que nascem com essa condição podem sofrer com episódios de bullying na infância, principalmente no ambiente escolar, tornando-se adultos inseguros e com problemas de autoestima.

Há diferentes graus da orelha de abano. Existem casos que podem ser disfarçados com truques como faixas de cabelo, bonés, chapéus, cabelos longos ou volumosos e cortes ou penteados estratégicos. Já outros ficam muito evidentes, e quando alguma parte do nosso corpo incomoda, nada nos deixa bem, não é mesmo?

Por isso, neste artigo, separamos algumas maneiras para diminuir as orelhas de abano. Acompanhe!

Métodos utilizados para diminuir orelha de abano, qual realmente funciona?

Muitos pais, quando percebem que seus bebês têm tendência a crescerem com orelhas de abano, usam qualquer tipo de técnica na tentativa de evitar esse acontecimento. Mas é preciso saber que nem tudo funciona.

Esparadrapo ou fitas adesivas

De acordo com os especialistas, o uso de esparadrapo ou fitas adesivas, além de não funcionar, ainda pode causar danos à pele frágil do recém-nascido. Ao ficarem muito tempo coladas, as orelhas tendem a ficar irritadas. E por serem próximas ao couro cabeludo, o esparadrapo pode também puxar os fios de cabelo do bebê, causando dor.

Faixas elásticas

Utilizar faixas elásticas na cabeça do bebê, no primeiro mês de vida, serve apenas para deformidades suaves nas orelhas, como aquelas dobras geralmente causadas pela posição que ele estava na barriga.

Earwell – Moldes de silicone

O tratamento com moldes de silicone, aprovado pela Anvisa, é considerado pelos médicos o método não cirúrgico mais eficiente para corrigir as orelhas de abano. No entanto, o resultado esperado só é observado nos diagnósticos precoces, de preferência até os primeiros 30 dias de vida do bebê, pois nesse período a cartilagem da orelha é maleável.

Vale ressaltar também que é mais eficaz em imperfeições leves e moderadas.

Cirurgia de Otoplastia

A cirurgia para diminuir a orelha de abano, chamada de otoplastia, é a melhor alternativa para quem está insatisfeito com essa parte do corpo e deseja corrigir definitivamente o formato das orelhas. É o procedimento sugerido em casos de assimetria na forma, no tamanho, na angulação, malformações congênitas ou deformidades pós-traumáticas.

As orelhas de abano são classificadas em diferentes níveis de imperfeições, sendo leve, moderada ou grave. Mas a otoplastia pode ser feita em qualquer um dos casos, o que define a necessidade é o quanto essa condição incomoda a pessoa.

É indicado realizar o procedimento a partir dos seis anos, logo na infância, pois na fase escolar a criança é mais atingida com os apelidos dos colegas. E nesse período a cartilagem da orelha da criança já está estável e completamente desenvolvida. Mas a cirurgia também é executada em adolescentes e adultos.

Dessa forma, a otoplastia é uma cirurgia estética com uma função social também, pois age no psicológico do paciente e traz mudanças positivas. Logo, o constrangimento gerado pelo bullying é substituído por autoestima, confiança e qualidade de vida.

Como é feita a otoplastia?

Normalmente, é aplicada a anestesia geral no paciente para realizar a cirurgia, que tem duração média de uma hora. Depois, é iniciada uma incisão atrás da orelha, por meio desse corte, é removido o excesso de pele e, em seguida, feito o ligamento da cartilagem.

Em alguns casos, pode ser necessário a retirada de parte da cartilagem para diminuir orelha de abano. Para finalizar o procedimento é realizado pontos de fixação, geralmente internos e absorvíveis, com o objetivo de fechar o corte e manter a nova anatomia da orelha.

Otoplastia fechada

Há ainda a opção de otoplastia fechada, que pode corrigir as orelhas de abano sem cortes, raspagem ou retirada de material. Isto significa que, diferente da otoplastia tradicional, nessa técnica não acontecem grandes incisões.

Sendo assim, é feita uma remodelagem das orelhas com pontos transcutâneos através de pinturas na pele, com um fio não absorvível e que não precisa ser removido, mas em casos de alterações é necessário avaliação médica. Normalmente o fio é o de nylon.

O procedimento é realizado sem sedação, mas com aplicação de anestesia local. Depois de finalizado, o paciente pode ir para casa e retomar as atividades diárias no dia seguinte, observando sempre as orientações médicas.

Entretanto, se a cirurgia for feita em crianças muito pequenas, talvez seja necessário a observação por algumas horas, antes de receber alta.

Conclusão

Agora você já conhece os truques, os métodos e a opção mais garantida para diminuir orelha de abano, a cirurgia de otoplastia. Então, caso decida realizar esse procedimento, procure sempre um médico especialista para esclarecer quaisquer dúvidas antes.

E não deixe conhecer earblip.com.br para entender como funciona o procedimento de correção das orelhas de abano que funcionam de verdade!

Gostou do artigo? Ajude outras pessoas compartilhando este conteúdo em suas redes sociais.

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recent posts
Our Gallery